Browse By

Suposta bomba era um presente para ex-namorada

Mais uma vez uma ameaça de suposta bomba não passou de um grande transtorno para as forças de segurança e população. Depois de isolar parte da Barão do Campo Místico diante da ameaça de bomba, a PM conseguiu localizar o homem que teria deixado o artefato no local e descobriu que o artefato na verdade era uma luminária feita com peças de computador e uma lâmpada de led.

Artefato era apenas uma luminária – foto Poçoscom.com

O homem de 32 anos contou aos militares que teve um relacionamento curto com uma moradora do prédio e deixou a luminária como presente para reatar o namoro, mas não avisou a ex.

Achando que tal objeto poderia ser algo ameaçador, a ex-namorada chamou a PM e a área foi isolada seguindo o protocolo de segurança.

Após examinar o material, militares da 18ª Companhia Independente de Policiamento Especializado observaram que o objeto não oferecia risco aos moradores e vizinhos no entorno e eles mesmo removeram a suposta bomba, sem a necessidade da vinda do esquadrão antibombas do Bope em Belo Horizonte.

Ao comparecer no local, o ex-namorado ficou agressivo e acabou sendo conduzido pela PM. Ele foi ouvido e vai responder por crime de ameaça e resistência à prisão.

As duas últimas ameaças de bomba registradas em Poços também não se confirmaram em dezembro de 2016 uma caixa de embalagens de marmitex deixada próximo ao Fórum mobilizou uma equipe do Bope. Em 2014 uma sacola com uma marmita deixada em frente a agência dos Correios na Prefeito Chagas também foi motivo de transtorno para as forças de segurança e população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *